Desmame Gradual – Como Fazer ?

11 Flares Facebook 9 Google+ 2 11 Flares ×

 

rp_desmame-gradual-200x300.jpg

Hoje o post é especialmente escrito para tentar ajudar e informar uma comadre que está se preparando para desmamar seu príncipe , pois precisa colocá-lo no berçário, no ano que vem. Ele está com 18 meses, e já toma mamadeira e já está sendo introduzido, gradualmente , na alimentação sólida. Ela  me escreveu perguntando: ” Como fazer? ” “Me ajuda!” . Vou tentar , Carol!

 

Primeiro, queria contar a minha experiência de três aleitamentos, onde , entre erros e acertos, fomos até um ano , em média !

 

O Pedro, meu  mais velho, estacionou seu ganho de peso , por volta dos 8 meses e meio. O pediatra sugeriu que , eu complementasse as mamadas do peito ( que eram 3 no dia) com uma mamadeira de fórmula infantil. Tentei, tentei e tentei … e nada!! Nada do bichinho pegar a mamadeira ! E nada do danadinho ganhar peso! Foi aí, nesse ponto, tendo o desespero como conselheiro, que eu tive a brilhante idéia :” Vou tirar o peito. Assim, com fome , ele vai pegar a mamadeira!”pensei… E adivinhe só ? tchã nan… NÃO PEGOU NUNCA !! Até  hoje meu filho não toma / não gosta de leite !! E o pediatra me orientou: ” não force, a natureze sabe o que faz…” Mas eu , no auge do meu desespero e teimosia… errei feio !! Um ano depois de muita batalha , tosses, penumonias, crises de bronquite e peito chiando… veio o diagnóstico : Alergia ao leite de vaca ! Hoje conhecida como APLV. Ele não tomava mamadeira, mas eu dava um jeito de dar os derivados pra ele… se arrependimento matasse… !! rsrs

Pois é … e nem te contei do tanto que eu sofri!! Ele, sempre muito cordato, não… pelo menos não aparentemente, sofreu. Me lembro bem: Era um domingo, e na primeira mamada da manhã, eu não ofereci o peito prá ele… E ele… inquieto, eu percebia que faltava alguma coisa pra ele… Mas ele não me pediu!! Nunca mais !! rsrsr

Eu optei por não tomar nada pro meu leite secar… vai que eu tivesse que voltar atrás!! Amarguei o leite secar sozinho… Certamente eu  sofri mais que ele ! Eu , que trabalhava em postos de saúde na época, não podia ver uma mãe amamentando que já começava a chorar!! Eu sempre ADOREI AMAMENTAR!! Tem algumas fases das gravidezes das quais, sinceramente, não sinto nem um pouco de saudades… já de amamentar… Meu Deus como é bom!

Com as meninas resolvi fazer diferente…decidi que as amamentaria até que ELAS quisessem! E assim foi! Elas largaram o peito! Quando e como quiseram. Na semana em que completaram um ano , as duas , por si só , se desinteressaram completamente “desse assunto ” PEITO ! rsrs Como já almoçavam, jantavam, e usavam as,fórmulas como complemento… fiquei tranquila ! Triste sim… mas com uma sensação de dever cumprido !

Minha comadre, eu acho que , o primeiro dos seus acertos, além de ter amamentado seu bebê até hoje, é ter percebido que o planejamento é necessário !

Nas minhas buscas pela web, eu encontrei vários grupos de amamentação , dos quais até faço parte , com dicas , conceitos e idéias incríveis!

Esses grupos dividem o desmame em 4 tipos: o abrupto, o gradual, o parcial e o natural.E, sem dúvida e medo de errar…o melhor  deles  , é o natural ! Sem traumas pra mamãe , nem pro seu filhote ! Mas , o tempo dois dois tem que ser respeitado, e, devemos compreender que se trata de um processo !

O bebê costuma dar sinais de que já está pronto. Veja alguns mais comuns:

• Idade maior que um ano

• Menos interesse nas mamadas

• Aceita variedade de outros alimentos

• É segura na sua relação com a mãe

• Aceita outras formas de consolo

• Aceita não ser amamentada em certas ocasiões e locais

• Às vezes dorme sem mamar no peito

• Mostra pouca ansiedade quando encorajada a não amamentar

• Às vezes prefere brincar ou fazer outra atividade com a mãe ao invés de mamar

 

O desmame natural, que ocorre espontaneamente, tem algumas vantagens:

• Transição tranqüila, menos estressante para a mãe e a criança

• Preenche as necessidades da criança até elas estarem maduras para o desmame

• Fortalece a relação mãe-filho

• Ajuda a mãe a ser menos ansiosa com relação aos estágios de desenvolvimento de seu filho

 

ENCORAJANDO O BEBÊ A DESMAMAR

Mas, muitas mamães não tem muita escolha! Chega um momento em que o desmame se faz necessário. Ou porque precisam voltar ao trabalho, ou porque precisam por o filho numa creche… enfim…

O desmame gradual, se for bem conduzido, não deixará marcas negativas nem para a mamãe, nem para a criança.

 

Existem algumas atitudes e sentimentos que podem ajudar no desmame gradual. Veja alguns:

• Mãe segura de que quer (ou deve) desmamar

• Entendimento da mãe de que o processo pode ser lento e que vai precisar de  energia da mãe ( mais ainda se acriança não estiver pronta).

• Flexibilidade, pois nunca sabemos como o processo vai acontecer

• Paciência (dar tempo à criança) e compreensão

• Suporte e atenção adicionais à criança – mãe não deve se afastar neste período

• Ausência de outras mudanças ocorrendo: Ex.: saindo das fraldas ( ou , no seu caso, comadre, entrando na escolinha E se separando da mamãe)

• Sempre que possível, desmame gradual, retirando uma mamada do dia a cada 1-2 semanas.

Leia mais aqui. Esse site é especializado e amamentação. É muito completo e possui informações de qualidade ! Eu sou seguidora.

 

Como vimos, não tem uma fórmula mágica nem receita! Só a vontade , ou necessidade, de fazer a coisa acontecer.

Muita força e a cabeça erguida para enfrentar palpites, julgamentos, culpa…

Mas, acredite , tudo vai dar certo!! Com certeza !

Espero ter te ajudado!

Bjos e até  tags coração

Related Posts

11 Flares Facebook 9 Google+ 2 11 Flares ×

Comments

comments

Speak Your Mind

11 Flares Facebook 9 Google+ 2 11 Flares ×