Amamentar Emagrece?

amamentar emagrcece

Oi Comadre! Tudo bem ?

Amamentar emagrece? Como aproveitar o período da amamentação para emagrecer, voltar á nossa forma, sem prejuízo para a nossa saúde, sem comprometer a amamentação ?

É sobre  isso que vamos conversar hoje aqui !

Eu pesquisei um monte , sites e blogs do mundo  todo (desde estejam em inglês), colhi informações que recebi dos profissionais que me acompanharam nesses períodos das minhas 3 amamentações ( nutricionista e pediatra) , usei as conversas que a gente tem aqui no blog, no nosso canal do Youtube… o que vocês, comadres vão me contando e perguntando… E preparei esse material super prático e completinho para você ! Leia até o fim !

Se você for mais apressadinha e quiser receber uns vídeos grátis, no seu e-mail, de exercícios que pode fazer em casa , que vão te ajudar a emagrecer e ter seu corpo de volta – ou até melhor do que antes!-assim que seu médico te liberar, clica aqui , me dá seu melhor email, que eu mando pra você!

Gravei um vídeo  pro nosso canal , conversando sobre isso também, se preferir assistir, Clica aqui embaixo !

 

Então vamos lá:

1- AMAMENTAR EMAGRECE ?

O que acontece , no período em que estamos amamentando, é que nosso corpo gasta, em média, 500 calorias , só para produzir o leite! Então, se nós conseguirmos manter uma alimentação leve e balanceada, com todos os nutrientes necessários , iremos perder peso sim! O problema é que , amamentar dá uma fome …. rsrs Então , o segredo é , comer pouco , em várias horas do dia , e tomar muita água !

A orientação que recebi da nutricionista , nos meus pós-parto foi para levar até o 3° mês do bebê, mais ou meno, a mesma alimentação que eu vinha fazendo desde om último trimestre da gravidez : com umas 400 cal a mais, do que como normalmente, mas , calorias vindas de alimentos saudáveis e nutritivos !

Em média, perdemos 6 kg logo que o bebê nasce, e , depois, se estamos amamentando exclusivo no peito, perdemos de 800 g a 2 kg por mês ! Então , é mais ou menos assim, se você ganhou entre 9 e 10 kg na gravidez, até o bebê fazer 6 meses, seu peso já estará normalizado. Agora se ganhou muito peso na gestação, procura uma nutricionista , que vai te orientar como se alimentar , para voltar ao seu peso com saúde!

Se me permite, vou te dar 2 conselhos:

  • não caia na conversa da mãe, sogra e avó, que , porque está amamentando, tem que comer por dois , tá? Ou , que a sua comida deve ser “pesada, com sustância” !! rsrs
  • Corra atrás de voltar ao seu corpo, ao seu peso, o mais rápido possível ! Quanto mais for deixando, mais difícil será emagrecer!

2 – O QUE DEVO COMER , ENTÃO ?

Escolha e prefira alimentos leves, saudáveis, e nutritivos ! Frutas , verduras, legumes, grãos , cereais e laticínios.

A orientação que sempre recebi foi : inicialmente, coma de tudo, não complique ! Se o bebê apresentar alguma reação, ou sintoma de possível alergias alimentares, (ou se tiver um histórico familiar muito forte, e você já tiver outro filho alérgico), aí sim, algumas restrições serão necessárias !

Tem alguns pediatras que restringem tanto a alimentação da mamãe que amamenta que, a pobre fica acabada! Já está sem dormir direito, aí fica sem poder comer um monte de coisas que gosta, que está acostumada… Não tem quem aguente! A mamãe acaba adoecendo, e ficando exausta , física e emocionalmente !

Se alimente normalmente, e observe seu bebê! Em caso de dúvidas, converse com seu pediatra.

Se o bebê estiver tendo cólicas, leia mais aqui : a cólica do bebê

3- O QUE  DEVO EVITAR ?

Evite alimentos industrializados, com muito corante e conservantes, embutidos, muito açúcar e gorduras.

Cuidado com os chás de ervas naturais ! Se informe muito bem antes de consumir algum ! Não é porque é natural, que não tem efeito! E , muitas vezes, os efeitos não farão bem ao bebê! Além de se certificar muito bem da procedência das ervas, que podem conter microorganismos perigosos para a sua saúde.

4- O QUE É PROIBIDO ?

Nunca consuma álcool, cigarro( que não é comida , mas vale lembrar! rsrs) e medicações sem orientação médica.

5- POSSO ME EXERCITAR ?

Sim ! Pode e deve ! Converse com seu obstetra, mas , se está tudo bem, se você não teve nenhuma complicação durante e depois do parto, eles costumam nos liberar para começar a voltar os exercícios, após 6 semanas do parto.

6- EXERCÍCIOS PREJUDICAM A AMAMENTAÇÃO?

Não ! Na verdade, é assim : Não existe uma unanimidade no meio médico, e científico sobre isso . Existe uma linha que não acredita em nenhum prejuízo a amamentação causado por atividade física.

Essa linha defende que a atividade física não compromete nem diminui a produção de leite, nem a amamentação como um todo! Que a mamãe se sente mais disposta, mais feliz, e, a qualidade de vínculo que forma com seu bebê só tem a ganhar!

Por outro lado, existe uma linha que diz que, como o corpo da mamãe está gastando muita energia para a produção do leite, se ela não se alimentar e se hidratar muito bem, a produção do leite sairá sim prejudicada, assim como a sua saúde.  E , essa linha diz também que , a atividade física muito vigorosa, libera no nosso corpo algumas substâncias como o ácido lático, por exemplo, que podem alterar o sabor do leite, e o bebê estranhar e até se recusar a mamar.

A minha experiência pessoal : Eu iniciei atividades físicas , em média , 40 dias após meus partos ( os três foram cesáreas), estava amamentando exclusivamente no peito, e não tive problema nenhum com a amamentação. O leite continuou a ser produzido, meus bebês se desenvolveram dentro do esperado, e não estranharam o sabor do leite.

O minha opinião : A não ser que você seja uma maratonista, ou uma triatleta.. inicie sim seus exercícios o quanto antes e observe ! Se alimente e se hidrate de forma saudável, e , se perceber alguma alteração na quantidade de leite, no ganho de peso do seu bebê, ou, se ele tem estranhado seu leite… Se perceber alguma mudança, reavalie ! E, sempre tire suas dúvidas com seu pediatra!

7- QUAIS EXERCÍCIOS EU DEVO FAZER ?

Depende do que você fazia antes e durante a gravidez : se você sempre foi sedentária, comece devagar ! Com alongamentos, caminhadas, pilates… até ir avançando para exercícios mais intensos e vigorosos.

Se você fazia atividades físicas moderadamente, siga o mesmo padrão! Só comece devagar!

Se era uma atleta, você sabe muito bem como seu corpo reage e se comporta, então , ouça e respeite seus sinais !Comece devagar, e vá aumentando o volume e a intensidade do seu treino, conforme for recuperando seu preparo físico. Quanto tempo vai levar?

Despende … da sua idade, e do nível que você estava fisicamente. Quanto mais jovem você for, mais rápido vai se recuperar !

Agora, eu não sei se você sabe. mas , existem programas de emagrecimento e atividades físicas específicas para mulheres, totalmente online, que você pode fazer e casa mesmo ! Sem precisar de nenhum equipamento especial, sem precisar ficar longe do seu bebê ! Milhares de mulheres já conseguiram atingir seus objetivos e estão tendo resultados surpreendentes !

Se quiser receber uma série de vídeos gratuitos, para conhecer melhor um desses programas , O Corpo De 21 ,

Clica aqui , e me dá o seu  melhor e-mail , que EU vou mandar prá você! Fica de olho na sua caixa de entrada,( e também na quarentena e lixeira ).

E aí, me conta o que achou ? Você está nessa luta ?

Está com alguma dificuldade? Tem alguma dica, para dividir com a gente ?

Conversa comigo ! Deixa seu comentário aqui embaixo !

Saber a sua opinião , e as suas dúvidas, é o que dá sentido ao meu trabalho por aqui !

A gente vai conversando !

Bjos e atétags coração

 

Como Emagrecer depois da Gravidez -A volta da boa forma !

mulher em forma

Como Emagrecer e voltar á boa forma depois da gravidez?Agora o bebê já nasceu,e …meu Deus! O que eu vou fazer com essa barriga?

E quando , gentilmente, te perguntam , nessa fase:” prá quando é seu bebê?” – “Oi? como assim? meu bebê já está com um mês!!!”É de pular da ponte, não é comadre? Já aconteceu com você?

Mas calma, não se desespere!! A gente dá um jeito!!

Hoje  vou dividir com vocês a minha experiência do que funcionou comigo para voltar a forma depois da(s) gravidez(es).

Se quiser dar um passo á frente, e entrar para o nosso grupo de mamães que estão nessa batalha, clique aqui e digite seu melhor email, para receber dicas e informações gratuitas, direto no seu email(fica de olho na lixeira, quarentena ou spam, tá): http://mulheresemagrecendo.com.br/posts-blog

10 DICAS  para voltar á sua velha forma:

  • Se ainda estiver grávida, o melhor que pode fazer é tentar não exagerar nos quilos extras! Mate seus desejos, mas nada de atacar,de colher em punho , um pote de sorvete toda noite, tà? Quanto menos peso conseguir ganhar, mais rápido será voltar á antiga forma!
  • AMAMENTE !! Eu sei que isso , muita vezes independe da nossa escolha… que , para algumas mulheres, simplesmente não acontece!Mas, se puder escolher, entre tantos milhares de outros pontos favoráveis, amamentar emagrece SIM!
  • Não entre na onda da canjica, cerveja preta etc etc etc… Quer aumentar seu leite? Descanse o quanto conseguir, se alimente de forma saudável, tome bastante água ou chás/sucos sem açúcar. Se ainda não funcionar, converse com seu médico! Existem algumas opções mais eficientes e menos calóricas!
  • Tente fracionar suas refeições, mas não passe o dia inteiro beliscando!! A chance de enfiar o pé na jaca é maior!
  • Nas longas madrugadas acordada, a fome bate doída!! Eu sei!! Mas tente resistir á tentação!! Tome um chá, coma uma torradinha, ou uma frutinha… tudo que conseguir economizar de calorias depois das 8 da noite (principalmente carboidratos refinados), ponto prá você!
  • Amamentar dá uma fome!!! É verdade!! Tente deixar prontos, nos tempinhos que tiver, lanchinhos saudáveis, para não atacar a geladeira ou o armário de besteiras! Deixe uma salada de frutas, uma gelatina com uvas, um cottage temperadinho ( ou ricota), por exemplo.
  • Assim que seu médico te liberar, FAÇA ALGUMA ATIVIDADE FÍSICA!!!Não tem nada melhor e mais eficiente,tá? Não seca o leite, não deixa o bebe agitado, etc etc etc…Eu garanto!!Eu amamentei os três, dessa forma até um ano ( o Pedro até 9 meses, mas por outros motivos, que outra hora te conto).
  • A CORRIDA na minha vida, prá quem me conhece , foi um divisor de águas!! Eu a conheci após o nascimento do Pedro, e, nunca mais larguei! Esse assunto merece um post só pra ele!!Mas, resumidamente, é o melhor custo/benefício de exercício que existe!!Menos tempo , mais calorias, mais bem estar!
  • Os exercícios funcionais, e a musculação também são importantes para colocar a musculatura de volta no lugar, mas …podem ficar para um segundo momento, porque NÃO emagrecem, tá?
  • Não desanime e não tenha pressa !! lembre-se de que você ficou nove meses grávida, com seu corpo se transformando, então , vai um tempinho pras coisas normalizarem!! Essa história de , 3/4 meses após o parto , já estar com o corpo de volta e barriga chapada… é pra Gisele Bundchen, pra Isabelli Fontana… Não prá nós, simples mortais!!!rsrsrs Então, não se cobre demais!!O tempo considerado normal para o seu corpo estar de volta é UM ANO.

Clique aqui, e receba grátis, dicas e informações úteis e práticas, direto no seu email, sobre o tema “emagrecimento”:

http://mulheresemagrecendo.com.br/posts-blog

Agora, comadre, o mais importante é que você seja honesta e franca com você mesma, e …até que ponto isso tudo importa prá você!!

Se os quilinhos a mais da gravidez te trouxeram um bumbum maior que você sempre quis, ou uma perna mais grossa que você nunca conseguiu… curta a sua nova forma!!!

Afinal, se a maternidade nos transforma por inteiras – corpo, alma, pensamentos, sentimentos, valores… por quê não aceitar o pacote todo, não é mesmo?

Você tem alguma dica? Já conseguiu voltar á forma ?

O que você fez?

Conte pra nós!! Divide com a gente!

Bjos e até  tags coração

Amamentação- Por quê é tão importante?

bb mamando peito Oi Comadres! Fiz uma pesquisa quase científica(rsrs) para trazer para vocês informações precisas e argumentos imbatíveis para você se decidir pelo aleitamento do seu bebê!!Espero que seja convincente!

 

“O aleitamento materno é a mais sábia estratégia natural de vínculo, afeto, proteção
e nutrição para a criança e constitui a mais sensível, econômica e eficaz intervenção para
redução da morbimortalidade infantil. Permite ainda um grandioso impacto na promoção
da saúde integral da dupla mãe/bebê e regozijo de toda a sociedade”(OMS).

.TIPOS DE ALEITAMENTO MATERNO
É muito importante conhecer e utilizar as definições de aleitamento materno
adotadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e reconhecidas no mundo inteiro
(WORLD HEALTH ORGANIZATION, 2007). Assim, o aleitamento materno costuma
ser classificado em:
• – Aleitamento materno exclusivo: quando a criança recebe somente leite
materno, direto da mama ou ordenhado, ou leite humano de outra fonte, sem
outros líquidos ou sólidos, com exceção de gotas ou xaropes contendo vitaminas,
sais de reidratação oral, suplementos minerais ou medicamentos.
• – Aleitamento materno predominante: quando a criança recebe, além do
leite materno, água ou bebidas à base de água (água adocicada, chás, infusões),
sucos de frutas .
• –Aleitamento materno: quando a criança recebe leite materno (direto da mama ou ordenhado), independentemente de receber ou não outros alimentos.
• –Aleitamento materno complementado: quando a criança recebe, além do leite materno, qualquer alimento sólido ou semi-sólido com a f inalidade de complementá-lo, e não de substituí-lo. Nessa categoria a criança pode receber,além do leite materno, outro tipo de leite, mas este não é considerado alimento
complementar.
• – Aleitamento materno misto ou parcial: quando a criança recebe leite
materno e outros tipos de leite.
DURAÇÃO DA AMAMENTAÇÃO:

Vários estudos sugerem que a duração da amamentação na espécie humana seja,

em média, de dois a três anos, idade em que costuma ocorrer o desmame naturalmente
(KENNEDY, 2005).
A Organização Mundial da Saúde e o ministério da Saúde recomendam aleitamento materno exclusivo até seis meses , e complementado até 2 anos ou mais.

Importância do aleitamento materno:

Evita mortes infantis: devido à proteção às infecções presentes no leite materno, previne 13% das mortes até 5 anos.

Evita diarréia: Existem evidências que o leite materno protege contra as diarréias , além de influenciar positivamente na gravidade dessa doença, reduzindo em até  1/3  o risco de desidratação.

Evita infecção respiratória: diminui em mais de 6 vezes o risco de internação por pneumonia e em seis vezes o risco de internação por bronquiolite.

Diminui o risco de alergias: a exposição a pequenas doses do leite de vaca nos primeiros dias de vida, aumenta a chance de desenvolver APLV(alergia a proteína do leite de vaca) . estudos mostram que o aleitamento materno exclusivo nos primeiros meses de vida diminui o risco de alergias como APLV, dermatite atópica, asma entre outras.

Diminui o risco de hipertensão, colesterol, diabetes e obesidade: A OMS publicou recentes estudos que evidenciaram efeitos do aleitamento materno no longo prazo; adultos que foram amamentados tem pressão mais baixa, colesterol total menor e menor risco de desenvolver diabetes tipo 2(não só na criança , a longo prazo como também na mãe). O aleitamento materno também diminui chance de obesidade, promovendo uma programação metabólica adequada que perdura até a vida adulta.

Melhor nutrição: O leite materno possui um qualidade nutricional  muito superior ao do leite de vaca, além de ser muito mais  fàcil digestão.

Efeito positivo na inteligência: Há evidências que crianças  amamentadas no peito tem vantagens no seu desenvolvimento cognitivo(em todas as fases, até em adultos); o porquê disso ainda é desconhecido.

-Melhor desenvolvimento da cavidade bucal: O exercício que o bebê faz para sugar o leite do peito, ajuda a desenvolver corretamente a parte óssea da face, e ensina a respiração pelo nariz, que é a ideal.

– Proteção contra o câncer de mama: Já está comprovada a proteção ás mães que amamentam,a cada ano de  amamentação , 4,3%  menos chance de desenvolver a doença.

-Vínculo mamãe/bebê: A amamentação traz benefícios para a mamãe e para o bebê.Uma amamentação prazeroza, olhos nos olhos, fortalece o vínculo e promove a intimidade entre os dois. Para o bebê traz segurança e proteção; para a mamãe traz auto confiança e realização como mulher.

Leia mais sobre amamentação aqui  e quando chegar a hora do desmame… veja como fazer!

E eu vou colocar mais um benefício:

AJUDA A MAMÃE A VOLTAR À FORMA: a explicação é bastante lógica: o metabolismo da mulher fica mais acelerado para produzir o leite – alimento que deve ser bastante calórico para que o bebê ganhe peso e se desenvolva com saúde. A produção diária de leite materno é tão intensa que gasta, em média, 400 calorias, o equivalente a meia hora de corrida moderada(explica Carolina Ambrogini, ginecologista e obstetra da Universidade Federal de São Paulo -Unifesp). É só não abusar na alimentação!! Nada de entrar de cabeça na canjica, tá? rsrsrs

Veja outras dicas para voltar a forma aqui.

Convencida, comadre?

Vamos à luta!! Conte comigo!!

Bjos e até tags coração

E até a próxima…