A Liberdade De Escolha – É Disso Que Sou a Favor !!

livre-para-ser-mãe

Oi Comadre!! Hoje estou meio azeda … rsrsrs

Eu recebo muitos emails, de mamães me contando que sofrem muito, com as suas escolhas… E me perguntam : será que “isso é certo? ” “você é  a favor ?” disso ou daquilo …

Gente, eu fico com o coração apertado de ouvir e sentir a angústia dessas mamães ! Tenho vontade de pegá- las no colo … e de queimar em praça pública essas pessoas que se especializam em oprimir a maternidade , e reduzí-la a teorias e “tabelas “. Vão pro inferno !!

A gente, que é mãe, que está ali, no campo de batalha, cada uma com a sua rotina, com a sua personalidade, com seu bebê e suas particularidades… Só a GENTE SABE  o que é “certo e errado ” !! Só a gente sabe o que é possível !

Só a gente conhece os nossos limites !

Agora , a maternidade está sendo empacotada assim:

– Parto normal humanizado

-Aleitamento materno exclusivo, em livre demanda , até pelo menos 2 anos.

-Amamentar é um “direito ” da mulher, esteja ela onde estiver!Quem não quiser ver , que vire o rosto !

– A mãe, deve ficar o maior tempo possível, com seu filho, até os 3 anos de idade! De preferência, sem trabalhar, ou ajustar o seu trabalho á nova realidade da sua família !

– Chupetas e Mamadeiras devem arder no fogo eterno !

– O desconforto causado pelo nascimento dos dentes? Você deve ter calma, paciência e oferecer o peito para o bebê se acalmar… medicações que possam aliviar a DOR do seu bebê nem pensar !

– Você  tem que dar o banho de ofurô.

– Você tem que lidar com a dor inicial do seu peito, de forma natural e tranquila.Deve ser corajosa !

-Não pode reclamar das noites mal dormidas, ter um filho é uma benção !

-Não pode por o bebê pra dormir na sua cama , não pode por o bebê para dormir sozinho…

Socorrooo!

Se a mamãe, por algum motivo precisa, ou escolhe se submeter a uma cesárea… pronto ! Já se sente diminuída…

Se, algum motivo a impede de amamentar exclusivo seu bebê… mais uma derrota ! Ela se sente a pior …

E, se dá chupeta ou mamadeira para seu bebê… não conta prá ninguém !”é errado, né?”

Se usa uma concha de amamentação, pomadas no seio rachado e dolorido ” é fraca, não está preparada para ser mãe !”

Se põe o bebê pra dormir na sua cama, se sente amedrontada… Se coloca no berço, se sente julgada …

Se a mamãe se olha no espelho , e sente saudade da sua antiga vida, do seu corpo, das suas amigas… vem a culpa monstra !

Se a mamãe se sente constrangida em amamentar na frente dos amigos do marido, do sogro , ou do chefe… ‘ ela não é dona do próprio corpo e do próprio querer.”

Se volta a trabalhar, além da saudade do bebê e do cansaço da tripla jornada, ainda vem a vozinha lá de dentro “será que estou agindo certo ? Será que não estou abandonando meu filho ?”

Se deixa o emprego , e põe sua carreira no “pause” , para simplesmente curtir a maternidade e seu bebê… lá vem julgamentos e palpites !!

E montes de teorias, e montes de radicalismos sem sentido !

Na minha opinião, minha amiga, o que é “Certo ” é a gente poder fazer as nossas escolhas ! De forma consciente, sem ingenuidade ou desconhecimento … Se informar o máximo possível, mas usar o SEU filtro : Muitas coisas que você vai ouvir, não fazem sentido para você, ou simplesmente , não se encaixam na sua rotina !

Liberdade , é poder escolher, e arcar com as consequências, não é isso ?

Se você não conseguiu , ou não quis, um parto “normal humanizado “, se você não conseguiu , ou não pode amamentar exclusivo seu bebê até 6 meses, se você quis ou precisou voltar ao trabalho , FIQUE EM PAZ,com você mesma e com as suas escolhas !

Se para você , vivenciar a experiência do parto humanizado, parto domiciliar… for um sonho, vai fundo !

Se, você quer amamentar seu filho, por todos os benefícios físicos e emocionais que sabe que a amamentação traz pros dois, faça força ! Aguente firme o começo ! Vai valer á pena !

Saiba o que quer , onde quer chegar! Isso vai te fortalecer , e te manter no caminho que você escolheu, apesar das dificuldades !

Opressão, tabelas e teorias… não combinam com a maternidade ! De jeito nenhum !

O que combina com esse momento, é amor, um amor enorme e sufocante, são noites mal dormidas, cheirinho e chorinho de criança, e todo o sentido da vida , que elas conseguem nos apresentar …

Você já se sentiu oprimida, ou diminuída , por algumas escolhas que fez , com seu filho?

Como se livrou desse sentimento ?

Conta prá mim !

Leia mais : aqui , eu conto como foi a minha volta ao trabalho, e aqui , como me decidi babá ou berçario?

E aqui, ” confesso todos os meus pecados ” de mãe ! Leia , que você vai ver que , Sim, Você É Uma Excelente Mãe ! rsrs

 

A gente se fala !

Bjos e até tags coração

 

 

O Banho do Seu Bebê – Vídeo com 26 Dicas e Respostas

Oi Comadre! O banho do nosso bebê é um assunto que costuma dar bastante “pano prá manga” não acha ?

Por isso foi o assunto escolhido para inaugurar nosso canal no YouTube!

Resolvi responder, nesse vídeo as 26 principais perguntas e dúvidas sobre o assunto !

Espero que você goste !

Ficou alguma dúvida ainda? Manda prá mim!

Gostou do Vídeo, dá um “gostei lá !” se inscreve no Nosso canal do YouTube !

Vou me dedicar bastante pra colocar novidades e dicas bem bacanas lá , prá você !

Inclusive, super aceito sugestões de assuntos e vídeos, tá?

 

 

 

E a banheira do seu bebê, você já escolheu?

Dá uma olhada aqui 

Bjos e atétags coração

O primeiro mês do seu bebê

bebe 1 mes

É , comadre!! O tempo passa muito rápido, não é?

Nesse primeiro mês , veja quanta coisa o seu bebê já viveu e aprendeu!!

ASSISTE AO VÍDEO  que eu gravei falando desse primeiro mês do seu Bebê!

O ganho médio de peso mensal, nesse primeiro mês é de 750g, e,  ele/ela cresce +/- 5 cm no comprimento e 2 cm em cada perímetro (cefálico e torácico).

O choro já tem lágrimas, e , o primeiro sorriso está para acontecer. Já apreende objetos postos em suas mãozinhas,que estão sempre fechadas; já chora por insatisfação e desconfortos, e demonstra satisfação ao contato com a mãe, ao ser alimentado , e ao tomar seu banho morninho.

Já se mostra sensível a alterações nas rotinas da casa,e , o sono já começa a estabelecer seus padrões.Ainda dorme bastante durante o dia , e, cada criança tem um ritmo diferente.Os bebês dessa idade dormem, normalmente, 12 a 16 h por dia.

Os espirros são frequentes nas primeiras semanas, e vão desaparecendo aos poucos.

As unhas precisam ser cortadas, a cada 5 dias , em média.

Não gostam de ser trocados, então , prefira roupinhas amplas e fáceis de vestir.

Ainda não devem ser dados aos bebês dessa fase, brinquedos barulhentos , com música e ruídos muito altos, prefira chocalhos com barulhos suaves.

Na parte motora, ele prefere rostos e fisionomias humanas , aos objetos.Já comanda seu pescoço, virando de um lado para o outro, e quando colocado de bruços , ele procura livrar o nariz do travesseiro, chegando a levantar a cabeça por alguns segundos.

Já começam as primeiras conversinhas!

O bebê ja´segura o que alcança, se tranquiliza ao ouvir ruídos leves e já reconhece as vozes da mamãe o do papai.Já fixa o olhar na direção de uma luz mais fraca, e se acalma ao ver a mamãe. Já procura o bico do seio, se a amamentação é interrompida, indo com a cabeça na direção do mamilo com a boca aberta. Se colocarmos uma fraldinha sobre o seu rostinho, ele mexe a cabeça de um lado pro outro tentando se livrar.

Se o bebê está recebendo aleitamento materno exclusivo, o que é o  ideal, ele já estabeleceu os intervalos , em média ,de 3/3h, e , o volume de leite materno a cada mamada deve ser , em média de 100 a 120 ml ,num total diário de 600 a 720ml por dia.

Os banhos de sol , em horários seguros( antes das 10h e após as 16h), de 15 a 20  minutos em regiões grandes, como as pernas , por exemplo, são muito importantes para a síntese  da vitamina D e absorção do calcio recebidos no leite materno.Não exponha o bebê ao sol muito forte nem ao vento.

Mesmo com um bebê tão novinho, a mãe já perceberá as pistas para a futura personalidade do seu bebê: se reclama rapidamente das fraldas molhadas ou sujas, sono leve ou pesado, sensível a barulhos ou luz, se choram mais ou menos , se o bebê é mais calmo ou mais agitado.Minha avó costumava dizer: ” o espinho já nasce com a ponta” ! rsrs

E  o seu bebê , como ele é? Como vocês se entendem? Conta pra gente!

Deixa um comentário aqui embaixo!

Bjos e atétags coração